Gran Caribe Real Resort & Spa

ELISABRENNERnoivado, Sobre mimLeave a Comment

Já contei em alguns posts aqui do blog sobre o nosso casamento em Cancun, e como eu continuo recebendo mensagens de noivas pedindo dicas sobre hotéis e pacotes de casamento, resolvi escrever esse post contando um pouco sobre o hotel que casamos, o Gran Caribe Real.

A escolha do hotel foi bem aleatória. Em março de 2016, 10 meses antes do casamento, quando a notícia já tinha se espalhado e praticamente todo mundo que eu conheço já estava no meu pé pedindo detalhes e cotações da viagem, eu visitei uma agência de viagens em Goiânia para começar a planejar.

Na época quase nenhum hotel de Cancun tinha soltado as cotações e valores para 2017, com exceção do Gran Caribe Real, e como eu não sei lidar com pressão, eu o escolhi. Achei o hotel bacana e precisava decidir logo. Eu moro no Canadá e tinha poucos dias para decidir esses detalhes mais importantes.

O hotel tinha boas reviews nos sites de viagem, tinha pacotes de casamento interessantes e ficava na beira da praia. Tudo que eu precisava… o Gran Caribe Real, assim como a maioria dos outros hotéis já oferece pacotes de casamento pré-prontos.

Faltando 3 meses para a viagem, quando já tínhamos a lista de convidados fechadas, optamos pelo pacote que atendia as nossas necessidades. Como o nosso casamento foi grande, 45 convidados, tivemos que escolher o pacote mais completo e mais caro 

O hotel tem um serviço de praia maravilhsoso, com várias espreguiçadeiras e toalhas a disposição.

O pacote incluía a cerimonia na praia, recepção na praia e jantar de 4 pratos no terraço do hotel. E ainda várias outras regalias para os noivos, como massagem, manicure, pedicure, cabelo e maquiagem para mim, corte de cabelo para o Bruno, jantar de lua de mel na praia e outras coisinhas.

Confesso que eu fiquei com um certo receio e com muito medo de dar alguma coisa errada. Eu não conhecia ninguém que tinha se casado lá para perguntar… e eu simplesmente tive que confiar nos profissionais do hotel.

Eu preenchi um checklist com todos os detalhes do casamento. Especifiquei quais músicas eu queria que tocassem e em quais momentos, quem seriam os padrinhos e madrinhas, quais pratos eu gostaria no jantar, a cor da decoração das cadeiras e do gazebo da cerimônia.

Me comuniquei por e-mail com a coordenadora de bodas, Gabriela Oviedo. Que apesar de mexicana, se comunicou conosco em inglês em todos os momentos. A Gabriela foi super prestativa e fez tudo que estava ao sem alcance para nos ajudar.

Olha a Gabriela ali ao fundo coordenando e levando os convidados para o local da cerimônia

Sobre o hotel

O hotel é antigo, não sei exatamente a idade, mas dá para perceber que não é novo. Mas não deixou a desejar nem um pouco. Tem o sistema all inclusive, com 6 restaurantes: Gaivotas, restaurante mais despojado na beira da piscina; Albatroz, o restaurante e bandejão e que serve o melhor café da manhã Maria’s restaurante mexicano a la carte que tem o serviço um pouco ruim – é muito gostoso mas tem que ir com paciência – Il Pescatore, o restaurante italiano que não tivemos tempos de conhecer, mas foi muito bem recomendado por todos e o Sunset, o menor e mais escondido de todos, geralmente é o único que não tem fila.

Prato do nosso jantar de Lua de Mel

O hotel ainda tem e 2 bares: Trade Winds, que fica na praia, Lobby Bar, que fica na recepção e 2 lounges 24 horas, um próximo ao spa e um vip, que fica no 6 andar.

Durante o dia o hotel ainda tem várias barraquinhas de junk food – tacos, cachorro quente, hambúrguer, sorvete e um café da manhã e da tarde express, com rosquinhas e outras gordices.

Quase todos os dias a noite tem feirinha em volta da piscina, com artesanato e artigos de decoração mexicanos. Ainda tem vendedores de óculos e aquelas moças sorridentes que fazem tererê no cabelo -claro que tudo é pago a parte. Todos os dias a noite tem festa e apresentações de música e dança no lobby do hotel, nas sextas feiras tem festa mexicana com decoração, comidas típicas e músicas tradicionais.

O hotel ainda tem um spa maravilhoso e uma academia – dessa eu nem cheguei perto haha – A localização do hotel é muito boa, na porta para um ônibus da cidade e dá para ir até o centro e os shoppings famosos.

Dentro do hotel ainda tem aquele pessoal chato que fica tentando de vender pacotes e te empurrado coisas que você não quer… então cuidado. Passe longe deles. A não ser que você realmente esteja interessado em comprar alguns pacotes de passeio. E nesse caso informe-se. Mesmo dentro do hotel te, alguns picaretas que quase nos passaram para trás.

Falando nisso, vale dizer que mesmo o hotel sendo all inclusive e teoricamente não precisa gastar mais nada, é importante levar dinheiro, como Dólar Americano ou Pesos Mexicanos… não só para o caso de algum imprevisto, mas também para dar gorjeta. É super comum pagar um pequeno valor de gorjeta para do prestadores de serviço, seja ele o garçom da mesa, o barista, o roupeiro, massagista, maquidora… todo mundo espera receber uma quantidade entre $5 e $10 por serviço prestado.

Apesar de ficar na praia, o hotel tem muito verde

Também tem uma empresa de fotografia que tirou algumas fotos do nosso casamento, mas as fotos, apesar de boas, são caríssimas. E eles tem alguns animais para tirar fotos, como calopsitas e lagartos, nem preciso dizer o quanto eu odeio e reprovo isso né?

Resumindo… o hotel é fantástico, vale muito a pena e tem muita coisa para aproveitar. Adoramos a experiência e o nosso casamento, sem falar na inpecável hospitalidade mexicana. Se pudéssemos faríamos tudo de novo.

Bônus: esqueci de comentar, mas o hotel ainda tem um super serviço para crianças, com atividades diárias e várias atrações para os pequenos. Tem até um pequeno parque aquático que leva a criançada a loucura.

Compartilhe!
0
YOU MAY ALSO LIKE...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *