Kootenay National Park

ELISABRENNERCanadá, RoadTrip2 Comments

Nesse último verão alguns parentes do Brasil vieram passar férias com a gente e nós viajamos bastante! Contei para vocês todo o nosso roteiro por Toronto (clique aqui para conferir as partes 1, 2, 3 e 4). Nós também passamos alguns dias no Banff National Park, e para contar sobre a viagem, eu fiz um post mais compacto, publicado originalmente no blog em que sou colaboradora Brasileiras Pelo Mundo.

Enquanto estávamos em Banff, tiramos um dia para passear pelo Kootenay National Park, um dos 43 parques nacionais do Canadá, localizado na província de British Columbia, bem na divisa com a província de Alberta. Eu nunca tinha ouvido falar desse parque até ver um post super legar sobre ele no blog da Priscila. Ela conheceu o parque durante o inverno e as fotos do post dela estão simplesmente de tirar o fôlego.

Kootenay Park é considerado Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco e é um dos 4 parques das Montanhas Rochosas do Canadá. Ele não é muito grande, em apenas 90 minutos é possível dirigir por todo ele. Como ele fica bem pertinho da cidade de Banff (apenas 130km) fomos e voltamos no mesmo dia. Até porque não existem cidades ao longo do parque e o único vilarejo próximo é o Radium Hot Springs.

IMG_4636

No parque tem muita coisa para se ver e fazer, são várias trilhas e muita paisagem bonita para se admirar. Para conferir a lista completa de todos os atrativos, clique aqui. Como estávamos em uma turma razoavelmente grande (5 pessoas humanas e 1 pessoa canina – a Maggie no caso hahaha) nós fizemos poucas paradas.

IMG_3956

A primeira delas foi no Marble Canyon, que fica localizado a 87km leste do vilarejo de Radium Hot Spring na Highway 93. Este Canyon fica bem no coração do incêndio que ocorreu em 2003 no parque que queimou por 40 dias e assolou mais de 170 quilômetros quadrados de floresta.

IMG_5188

A paisagem ao redor do canyon é um pouco triste mas as águas turquesas oriundas do degelo das montanhas ao redor que correm em meio a rochas de milhares de anos chamam a atenção e fazem a caminhada valer a pena.

IMG_4553

A trilha principal é bem fácil e curtinha, se não me engano, são apenas 3 km ida e volta.

IMG_5187

Todo o caminho é cercado para evitar qualquer acidente, mas confesso que fiquei com medo e carreguei a Maggie toda vez que íamos atravessar alguma das pontes.

IMG_5189

Falando nas pontes, são várias ao longo da trilha. E cada uma proporcional uma vista mais inacreditável do Canyon. Olhando para trás é possível avistar a Vermillion Peak, uma das montanhas ao redor.

IMG_5186

Voltamos para a estrada e em seguida paramos no Numa Creek, um rio que tem uma cachoeira impressionante. O local estava fechado para reforma, mas nós pulamos a cerca de contenção e fomos dar uma passeada.

thumbnail_FullSizeRender

Apesar o risco, valeu a pena. A cachoeira de Numa Falls é muito linda. Suas águas extremamente azuis enchem os olhos.

IMG_4631
De lá seguimos pela HWY 93 e demos uma paradinha no Kootenay Park Lodge, o único hotel da região para comprar algumas bebidinhas para o nosso piquenique. O hotel é fofíssimo, bem no estilo lodge todo de madeira.

IMG_4635

Fizemos o nosso piquenique na rest area do Vermillion Crossing. Estava começando a chover, então não demoramos muito.

IMG_4632

Bruno sendo um bom pai e levando a Maggie para fazer xixi

Dica: Se forem fazer esse roteiro, levem bastante comida, bebida, blusa de frio e encham o tanque do carro. A região do Kootenay Park é bem deserta e encontrar comida e gasolina por ali pode ser bem difícil.

Nossa penúltima parada foi no Kootenay Valley Viewpoint, um mirante na beirada da estrada. De lá tem-se uma vista panorâmica de todo o vale do parque e ainda é possível avistar algumas partes do Vermillion River.

O destino final foi a cidadezinha de Radium Hot Springs, pouco antes de chegar, existe um ponto na rodovia conhecido do Sinclair Canyon que é simplesmente o local mais inacreditável de todos. Nesse local, a HWY 93 passa no meio de duas rochas milenares.

IMG_4634

O vilarejo é bem pequeno mas tem várias opções de hotéis, restaurantes e muita coisa para se fazer, no verão e inverno. Como estávamos só de passagem, só tínhamos tempo para conhecer a atração principal da cidade, que são as hot springs.

Hot Springs, são piscinas de águas aquecidas naturalmente (a temperatura varia entre 37C e 40C). Nós já conhecíamos as hot springs da cidade de Banff e amamos conhecer esta. O local é enorme, com duas piscinas, uma super quente e outra nem tanto. A segunda tem até um trampolim para a alegria das crianças.

O valor por pessoa é de $6,30, mas as taxas variam para crianças, idosos e grupos acima de 10 pessoas. O local fica aberto o ano inteiro, mas os horários variam um pouco dependendo da época do ano.

Não ficamos muito tempo nas piscinas porque tivemos que deixar a Maggie dentro do carro – o local não é petfriendly- e apesar de eu detestar piscinas, eu achei o local bem agradável, já que a piscina principal fica bem aos pés de uma montanha e de lá é possível ter uma vista linda dos arredores.

IMG_4633

Maggie chateada e emburrada porque não foi nadar na piscina

 

 

Compartilhe!
0

2 Comments on “Kootenay National Park”

  1. Pingback: Johnston Canyon - Casei e Mudei

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *