O que você precisa saber ao chegar no Canadá

ELISABRENNERCanadá2 Comments

Como eu sei que muita gente têm interesse em vir passear e conhecer o Canadá, eu escrevi aqui dando dicas sobre o que é importante saber antes de vir para cá. Neste post, como prometido, irei contar algumas coisas que você precisa saber depois de desembarcar em terras Canadenses para poder curtir ao máximo uma viagem tranquila.

Transporte Público

Um bom turista, que gosta de economizar dinheiro, deve conhecer bem o transporte público da cidade na qual está passeando. Aqui no Canadá é muito comum que o sistema funcione com trens e ônibus, e em quase todo o país é bem fácil e simples.

Nas próprias estações você encontra um mapa do metrô e alguns folders com os horários dos ônibus e as respectivas rotas, seja pontual, porque raramente um ônibus se atrasa. Pelo próprio Google Maps é possível planejar uma viagem pelo transporte público local, mas eu recomendo que você utilize o próprio website da cidade (que é muito fácil descobrir: quase sempre é nomedacidade.ca, como por exemplo edmonton.ca e toronto.ca).

IMG_1555

No website das cidades é possível achar o link da empresa que administra o sistema de transporte público, e por lá é possível planejar todas as viagens. Como eu sou muito gente boa, eu pesquisei o website do transporte de algumas cidades para vocês: Toronto, Montréal, Quebéc, Vancouver, Calgary e Edmonton.

E para aqueles viciados em aplicativos, também possível se planejar usando o aplicativo Transit App. Com tantas alternativas não tem desculpa né?! Bora turistar.

Aluguel de Carro

Para aqueles que preferem dirigir, é possível alugar um carro. Existem várias empresas que oferecem esse tipo de serviço, então só precisa dar uma pesquisada e ler os reviews (muito importante saber o que outros consumidores têm a dizer).

Também é importante saber algumas regras do trânsito Canadense, que são bem parecidas em todo o país, como por exemplo a regra da direita livre, que possibilita a conversão a direita mesmo que o semáforo esteja vermelho (depois de parar atrás da faixa e caso seja seguro). Aqui também existe o 4-way stop, quando em uma interseção existe uma placa de PARE em todas as direções, nesse caso, todos devem parar e dar preferência àquele que chegou primeiro.

As velocidades máximas permitidas também variam bastante, de cidade para cidade e de regiões urbanas para highway (as rodovias), de qualquer forma fique atento, o policiamento é constante e as multas são caras (existe uma tolerância de 10% acima da velocidade máxima permitida, por exemplo, se o máximo é 60km/h você poderá dirigir até 66km/h).

IMG_1719

Para estacionar também não é tão simples, shoppings, supermercados e lojas geralmente não cobram estacionamento. Já para estacionar na rua, especialmente em downtown, sempre tem um valor que é cobrado por hora. Vai ter um poste com uma máquina, onde você pode comprar um bilhete para deixar visível no painel do carro.

Não estacione em algum local pago sem pagar e também não estacione em local proibido. Você pode até dar sorte, mas as possibilidades de ser multado e às vezes até guinchado são grandes e ninguém quer que esse tipo de dor de cabeça estrague o passeio, né?

Turistando

Todo turista gosta de turistar! Sabe os sites da cidade? Lá vocês encontram alguns pontos turísticos mais famosos, os calendários dos eventos e festivais locais e muitos outros “o que fazer”. Mais uma vez procure os reviews para não cair em passeios pega-turista.

Para continuar na onda de economizar dinheiro, os museus e atrações daqui sempre têm um dia gratuito (ou com bom desconto), vale a pena pesquisar.

IMG_1720

Também procurem alguns blogs de quem mora na cidade ou já passeou por lá. Sobre o Canadá, existem uma infinidade de blogs de turismo muito bons, como o da Gaby que mora em Toronto, o da Priscila que mora em Victoria, o da Adriane que mora em Ottawa, o da Carina que mora em Vancouver e o meu que moro aqui em Edmonton

Horário de funcionamento

Geralmente lojas, shoppings, bancos e restaurantes têm um horário de funcionamento meio peculiar aqui no Canadá.

IMG_1715

Os shoppings e lojas (que não ficam dentro dos shoppings) geralmente abrem e segunda a sábado das 9 a.m. às 9 p.m., aos domingos os horários são um pouco reduzidos (vale a pena pesquisar no google para confirmar). Os supermercados maiores, o walmart por exemplo, ficam abertos diariamente até as 11p.m., os bancos funcionam até mais tarde e abrem aos sábados.

Já os restaurantes possuem horários são bem variados, muitos oferecem brunch (que é um café da manhã mais tarde, perto do horário do almoço), e o jantar daqui é bem cedo (os restaurantes abrem para o jantar por volta das 4 p.m.) e também fecham cedo (geralmente por volta das 11 p.m.). As casa noturnas e boates também fecham cedo (abrem geralmente por volta das 9 p.m. e fecham no máximo às 3a.m.)

IMG_1718

Direito do Consumidor

O consumidor aqui no Canadá tem vários direitos e é muito importante conhecê-los. Aqui, caso a mercadoria não seja final sale (venda final, mas isso estará bem claro na etiqueta), é possível devolvê-la, dentro do prazo estipulado apresentando o cupom fiscal, e pegar o dinheiro de volta. Simples assim, não precisa de nenhum motivo especial, comprou e arrependeu.. é só devolver.

A devolução normalmente não precisa ser na mesma loja em que a mercadoria foi comprada, caso existam outras franquias. Vou contar o que aconteceu comigo, eu comprei duas camisetas na American Eagle (sem experimentar) em um outlet em Toronto. Quando eu finalmente fui usar as camisetas, eu estava viajando em Montreal, elas ficaram enormes. Fui em uma franquia da mesma loja e somente com a price tag (a etiqueta das roupas), sem o cupom fiscal (que eu tinha perdido) foi possível realizar a troca.

Impostos e taxas

As prateleiras e araras trazem os preços livres que qualquer impostos. No momento de pagar, será acrescentado o valor dos impostos e taxas, conhecidos por GST e PST, esse valor varia bastante de província para província, podendo ser de 5% até 15%. Diferente de muitos países Europeus, esse valor gasto em impostos não é devolvido nos aeroportos para os turistas ao deixarem o país.

IMG_1714

Sobre as gorjetas, é muito que se pague de 15% a 20% ao garçom. Esse valor não vem na conta final, e é decisão do cliente pagar ou não. Mas já adianto que é extremamente rude não dar gorjeta.

Algumas leis importantes

Além de tudo isso é fundamental conhecer um pouco sobre as leis do país antes de vir passear por aqui né? Que Canadenses seguem as leis à risca não é novidade pra ninguém e você, mesmo sendo turista, precisa fazer o mesmo. Aqui, o consumo de bebidas alcoólicas bem é restrito, já que é estritamente proibido consumi-las em qualquer local público, como parques, praias.

Além de todas as leis de trânsito, também existem algumas regrinhas para os pedestres, que sempre devem atravessar as ruas em locais destinados. Atravessar a rua em local proibido é crime de jay walking.

Outra coisa que não é exatamente um lei, mas um costume Canadense bem diferente que diz respeito às escadas rolantes. O lado direito da escada é destinado às pessoas que vão ficar paradas, deixando o lado esquerdo para quem está com pressa e vai subir ou descer junto com a escada.

IMG_1716


Compartilhe!
0
YOU MAY ALSO LIKE...

2 Comments on “O que você precisa saber ao chegar no Canadá”

    1. ELISABRENNER

      Oiii Carina,
      Acompanho seu blog há um tempão, fiquei tão feliz em receber um comentário seu hehehe
      Obrigada!
      Beijooos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *